quinta-feira, dezembro 13, 2007

"The horror! The horror"

Não sei o que foi pior na cerimónia da assinatura do Tratado de Lisboa: se os discursos saloios, deslumbrados e vaidosos de José Sócrates e Durão Barroso, se Dulce Pontes disfarçada de evadida de uma comunidade "alternativa" e druggy do Alentejo, numa chiadeira porcina que não podia ser confundida com música.

7 Comentários:

Anonymous Anónimo said...

Tive a mesma percepção! magude

8:29 da tarde  
Anonymous joão paulo said...

Essa gaja não canta nada, mas foi bem empregue para torturar os tímpanos daquele rebotalho político.

9:26 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Pero que público más estúpido es el portugués. Sois unos ignorantes.

10:36 da tarde  
Anonymous melómano said...

Podes ficar com a Dulce, hombre, que nós ficamos com a Teresa Salgueiro. Mas não aceitamos devoluções.

11:56 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

O que está a dar agora é Mariza. Quanto é Teresa, a cantar em brasileiro não caía bem. Mas os directos têm destas coisas. Os porcos grunhem e a caravana passa...

2:03 da manhã  
Anonymous alfredo marceneiro said...

A Mariza é a fadista do regime, do «centrão».

1:46 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

"Anónimo disse...
Pero que público más estúpido es el portugués. Sois unos ignorantes."

Oh senhor anónimo, já olhou para o povo espanhol que nem sequer sabe falar o mínimo que seja inglês? Se há pouco ignorante inculto e saloio é o vosso!

3:29 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home