domingo, março 09, 2008

O peso do passado

Corrijam-me se estou enganado e se a memória me trai, mas o ministro Santos Silva, que apareceu hoje nos telejornais a perorar sobre um protesto de professores, a dizer que estes não sabiam o que era "lutar contra o fascismo", a alardear os seus pergaminhos de combatente pela democracia em Portugal, contra o antigo regime e depois contra a "tentativa de instauração de um regime comunista", não pertenceu outrora ao MES, movimento cujas simpatias iam bem mais para os lados da "ditadura do proletariado" do que da democracia liberal?

7 Comentários:

Anonymous Fafe said...

O SS parece mais um queixinhas do que um combatente.

1:33 da tarde  
Anonymous bernardo said...

Ainda por cima esse senhor é ministro dos Assuntos Parlamentares. Não há dúvida, quem está no poder, faz as leis e manda nas autoridades é a antiga extrema-esquerda. Ao que isto chegou.

2:49 da tarde  
Anonymous Fafe said...

É como o outro, o "rangelzeco", de berbequim à fechadura da TSF.

9:44 da tarde  
Blogger Motim said...

Este comentário foi removido pelo autor.

10:49 da tarde  
Blogger Motim said...

Outrora pertenceu ao MES e hoje pertence ao Bilderberg, uma palavra que nenhum político se atreve a dizer.

10:51 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

E não se esqueçam que o PS é o dono da democracia.

11:10 da tarde  
Blogger Cartouche said...

Os meus amigos, na inércia do ataque a quem governa - seja quem for, diga-se - esquecem,por ventura, o essencial: ora vamos lá a ver: os meus amigos têm um diferendo de opinião aí com um vizinho no condomínio, digamos mesmo, com quatro ou cinco. Ora sempre que entrassem EM VOSSA CASA (tratava-se de um reunião de militantes do PS, na sede do PS, em Chaves)tinham os cinco vizinhos, as suas famílias, os primos das Beiras, mais o cão e o gato a berrarem contra vocês, insultando-vos. Os meus amigos, como são democratas de 1ª água, cívicos exemplares e boas pessoas, pediriam respeitosamente para passar entre a turba, delicadamente, não fossem pisar alguma unha ao gato e enquanto metiam a chavinha na porta, pensavam: "é a vida!". Como é bela a vida dos bloggers em Portugal.

10:42 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home